• Blog
  • Viva a terceira idade com saúde e tranquilidade!

Viva a terceira idade com saúde e tranquilidade!

Como envelhecer com saúde e ter tranquilidade na terceira idade?

Apesar de ser um processo natural, nem todas as pessoas envelhecem com tranquilidade. Com a terceira idade podem surgir muitas dúvidas e inseguranças, principalmente se não foram mantidos bons hábitos ao longo dos anos.

Por isso, tomar certas atitudes para cuidar da saúde é fundamental para conseguir aproveitar essa fase da vida. Confira a seguir algumas das principais dicas para envelhecer de forma mais equilibrada e saudável.

Estimulando o cérebro na terceira idade

Um dos principais fatores que facilitam a perda da memória e contribui para o surgimento de outros problemas é a falta de estímulos cerebrais. Logo, as atividades que exercitam o raciocínio não podem ser deixadas de lado.

Palavras cruzadas, jogos e leitura podem ser bons aliados nesse processo, assim como aulas de informática, idiomas ou artesanato. Qualquer processo de aprendizado é relevante para estimular o armazenamento de informações, a concentração e a memorização.

Mantendo o corpo em movimento

Recomendada para todas as idades, a prática de exercícios físicos é importantíssima para a prevenção de problemas cardíacos, osteoporose e hipertensão, para não falar da obesidade e de outras doenças.

As atividades físicas ajudam ainda a garantir mais flexibilidade e disposição para cumprir as tarefas do dia, reduzindo o risco de dores musculares comuns. Portanto, o ideal é encontrar uma atividade que seja mais prazerosa para conseguir manter uma determinada frequência, seja com caminhada, dança, esportes, etc.

Alimentando-se e dormindo bem

Assim como os exercícios físicos, uma dieta nutritiva e equilibrada é fator primordial para a prevenção de doenças. Para isso, é bom evitar excessos de gordura, açúcar, sódio, e sempre lembrar de beber bastante água para manter o funcionamento do organismo.

A hora de descanso também merece atenção, já que é durante o sono que hormônios importantes são liberados. O desequilíbrio pode levar não só ao estresse e cansaço constante, como ao enfraquecimento do sistema imunológico, favorecendo o surgimento de outros problemas de saúde.

 

Convivendo com outras pessoas

Uma das doenças mais comuns entre os idosos é a depressão, muitas vezes decorrente de um dia a dia mais solitário e com menos autonomia. Assim, o convívio social torna-se imprescindível para que o isolamento não seja uma opção.

O contato familiar é sempre importante, fazendo com o que o idoso se sinta acolhido e amado. Contudo, os familiares nem sempre conseguem estar presentes todos os dias devido aos seus compromissos pessoais.

Por isso, preencher a rotina com aulas ou atividades em conjunto podem ser boas oportunidades para trocar experiências e conhecer novas pessoas.

Cuidando da saúde, sem se esquecer dos olhos

Ficar atento à saúde e manter os exames em dia é essencial para uma maior qualidade de vida, preferindo sempre a prevenção ao tratamento de doenças. Porém, a saúde dos olhos também deve ser uma preocupação, já que muitas pessoas procuram um oftalmologista apenas quando sentem dificuldades para enxergar.

A Degeneração Macular Relacionada à Idade (DMRI), por exemplo, é uma doença que compromete a retina, gera perda de visão progressiva e é uma das principais causas da cegueira em pessoas com mais de 50 anos. Além deste, existem outros problemas que os exames periódicos podem ajudar a evitar ou controlar, sendo importante o diagnóstico precoce.

Enfim, é preciso ter cuidado e atenção com a saúde, cultivando bons hábitos durante toda a vida para envelhecer com mais bem-estar e tranquilidade.

Concorda com as dicas que demos para chegar bem à terceira idade? Se você tem mais alguma para acrescentar, deixe seu comentário e compartilhe as suas experiências!

Viva a terceira idade com saúde e tranquilidade!
Avalie esta publicação

Posts relacionados

Deixe um comentário